21 de outubro de 2012

As reviravoltas

Quando, no meio da aula, antes de dormir, acordando, você pensa nele.
Quando ele passa - nem precisa falar com você, basta passar perto de você - seu coração acelera, você começa a tremer, você quer abraçá-lo. E quando ele fala com você? Dá vontade de falar com ele para sempre, continuar olhando nos olhos deles para sempre...
Quando você sabe de todos os defeitos dele, e acha que ele é perfeito exatamente do jeito que ele é.
Quando você não tem coragem de falar isso pra ele... você não consegue dizer uma palavra perto dele sem gaguejar, e, mesmo que consiga, fala besteira. Você tem certeza que ele te acha boba por tudo que você já disse. Se arrepende de tudo o que falou, e se arrepende de não ter falado mais.
Quando ele chega, você sorri. Quando ele vai embora, o sorriso desaparece, e você só quer ir pra casa.
E ele nunca percebe isso. Nunca. Porque você é a pessoa menos provável no mundo que goste dele. Porque você nunca deu um sinal, uma indireta. E nem dará... você é tímida, fazer o quê?

E então ele destrói nosso coração em pedaços... ele arranja outra garota, e te esquece. Ele fica com todas as meninas do mundo, menos com você. Ele começa a gostar de várias garotas, mas nunca de você. E, enquanto você sofre por isso, ele está na casa dele, vendo TV, jogando videogame, falando com os amigos, e nem se lembra da sua existência.
Não dói? E então, no meio da aula, antes de dormir, acordando, você só pensa nele, mas não com aquela felicidade de antes: você só quer chorar e chorar.
Quando ele passa, você quer evitá-lo, mas não consegue, porque deseja a companhia dele, mas sofre com isso. E quando ele vai embora, você sofre mais ainda.
Você tenta se convencer de que ele não é bom pra você, analisando todos os defeitos dele. Mas é tudo uma ilusão, pois você realmente não se incomoda com nenhum deles.
E você não tem coragem de demonstrar um pingo desse sofrimento para ele. Talvez você jogue umas indiretas ou outras, mas ele sempre ignora, ou acha que não é com ele.
E você não fala nada, porque, afinal, não quer que ele fique com você por pena.
E não adianta nenhuma amiga tentar te iludir - ele não gosta mesmo de você. No máximo como amiga, se é que chega lá - às vezes ele nem sequer se lembra de quem você é. O que você fala ou faz não tem a menor importância pra ele.

Parece que demora eternidades - primeiro a gente acha que são apenas algumas semanas de sofrimento, mas se tornam meses, até anos... e ele ainda não se importa.
E então você descobre que ama ele e que não pode viver sem ele. E que faria qualquer loucura só para que ele te notasse. Que você sempre fez um monte de idiotices só pra ter a droga da atenção dele.
Mas você não fala com ele porque ainda quer ter a chance de ter uma amizade normal com o dito cujo. E isso não é errado. Não somos trogloditas para conseguir um macho acima de tudo.
No entanto, nos separamos dele para o resto da vida. Conhecemos outras pessoas interessantes... e enfim esquecemos dele.
E um belo dia, no nosso quarto, revemos fotos dele, temos lembranças...
Nessas horas que dá vontade de voltar atrás e ter falado alguma coisa, você realmente teria feito diferente?

6 comentários:

  1. Oi!
    Obrigada pela visita e pelos recentes comentários lá, no C.A! Me identifiquei bastante com este texto, pois tenho estado apaixonada ultimamente. O problema é que meu namorado, infelizmente, mora longe de mim. Passo uma boa parte do tempo pensando nele e quando conversmaos por celular me sinto definitivamente aliviada. Aliviada em saber que ele está bem. Adorei o texto! Tem um poema lá no blog!! ^^
    Beijos,
    Ana Luiza
    - Coisas Afins -

    ResponderExcluir
  2. Oiii minha querida!
    Eu simplesmente sou apaixonada pelos seus textos! Ele é quase que a minha história, contada por outra pessoa. kk
    Achei lindo o texto.
    Está de parabéns.

    Bjinhoos *o*
    Hayanne Deise Lins
    *Profissão Adolescente*

    Estamos querendo fazer uma gincana de Natal. Quer ser um dos parceiros? Clique >aqui< e saiba como!

    ResponderExcluir
  3. Viiiiish acho que estou realmente igual o texto falou,e é tanta verdade que na maioria das vezes não chego a ler nem a metade dos textos mais com esse foi diferente eu li ate o final e com muita atenção pois parecia que foi escrito pra mim e só tem uma coisa diferente pra piorar a situaçao,no meu caso:Ele sabe que você gosta dele,que daria tudo pra ter ele e finge que nem sabe,e no caso você também finge que nada aconteceu por que está magoada e não quer que ele fique contigo por dó ou melhor,por influencia dos outros que se dizem seus amigos mais não percebem que só pioram a situação tentando ajudar o que não tem ajuda.
    Kisses,Isah

    Umdiarioconfuso.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Ai q perfeitooooooo! Vejamos eu ja fiz isso de morrer de amores por tal pesoa e depois o tempo me fazer esquece-la , nossa sei num se teria mudado, temos o dom de cometer smeore os mesmos errros, ne não?
    Nossa, mais eu sumi neé? hahahaaha, tem coisas da fesa pra resolver, da formtura e tudo o mais,d esclulpa ai to meio sem tempo pra postar tbm, ai eles ficam so no rascunho,t enho ideia mas num tempo,q do teno tempo num tnho ideia, hhha é vida
    bj
    lamourmonage.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Acho que eu, uma pessoa com 19 anos na cara, já sei bem como é isso. Amores não são simplesmente esquecidos. Por mais que não lembre, o que é completamente diferente de esquecer, e encontre outros amores, se jogue em outros braços, nunca vai sair da memória. Pegar as fotos, ouvir as músicas que sempre ouvia, ou até mesmo participar de um momento que era corriqueiro com aquela pessoa. Tudo isso te faz lembrar mais ainda. Te grava mais ainda. É por isso que eu gosto de cicatrizes. Nunca teria feito nada diferente simplesmente porque foi essa dor, esse machucado e essa cicatriz que me levaram para onde estou hoje e formaram quem eu sou. E eu estou bem onde estou hoje. Estou bem com quem sou hoje.
    Texto muito bem escrito e eu adorei o blog. Estou seguindo.

    Beeijos.

    bookaddictedblog.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Seu recado é muito importante!
Qualquer que seja sua mensagem, vou ficar muito feliz em saber o que você gostou e o que eu posso melhorar.
Obrigada! (: