21 de agosto de 2012

Preconceito de idade

Não, você é adolescente, não sabe de nada e fica nesse computador o dia inteiro.

Quem nunca ouviu essa frase na vida? Pois é. Infelizmente, somos considerados a pior idade da sociedade. 
Quando somos bebês, somos fofinhos e não fazemos nem falamos nada. Quando somos crianças, fazemos uma bagunça dos infernos e falamos um monte de besteira, mas todo mundo ainda acha fofinho. Quando somos adultos, somos inteligentes, trabalhadores árduos e sabemos das "coisas do mundo". Quando somos idosos, somos respeitados e cuidados, porque somos muito experientes, com muitas histórias interessantes para contar.
E os adolescentes? "Adolescente não presta pra nada, só fica nesse computador o dia todo, só fala besteira com os amigos, não trabalha, não se esforça pra ir bem na escola, vive na moleza", etc. Nas poucas vezes em que alguém dá bola pra gente, é sempre a mesma conversinha: os "namoradinhos", o que você quer ser quando crescer e qual é a música que estamos ouvindo.

Mas como assim, produção? Pra começar, essa história de que "adolescente é uma idade especial" (leia-se: aquela idade especial em que ninguém os suporta) surgiu na década de 50 pela indústria cultural de cinema e música, produzida pelos próprios adultos. Toda essa história de que adolescentes ouvem músicas diferentes das dos adultos, que brigam com os pais e com o resto da família, se sentem excluídos do mundo e nunca passaram por sufoco é, no mínimo, ultrapassada.
Nós somos trabalhadores. Acordamos mais cedo até do que nossos próprios pais para ir na escola, e passamos o dia inteiro indo lá ou estudando em casa. E quem não faz isso é exceção, ok? Uma minoria. E essa minoria normalmente age assim por culpa dos pais.

Não somos rebeldes, não temos nenhum motivo para isso. Nossos próprios pais já vieram de uma educação que não era tão religiosa e moralizada como antigamente. Hoje em dia falamos abertamente de vários assuntos que antes eram tabus, contamos sobre nossas próprias vidas sem nos preocupar em ter que ajoelhar no milho ou qualquer castigo físico.
Não reclamamos de tudo. Ok, é uma fase onde os hormônios estão mais em alta e temos tendência a nos estressar mais fácil, mas isso varia de pessoa para pessoa assim como nos adultos. E eu duvido que exista um adulto que não reclame daquilo que ele não goste.
Gostamos, sim, de várias músicas que as gerações mais antigas já ouviam. Conheço inúmeros adolescentes que gostam de Cazuza, Chico Buarque, Caetano Veloso, Legião Urbana e muitas bandas internacionais antigas. Além disso, o gosto musical de nossos pais influencia nosso próprio gosto.
Nossos assuntos não se limitam a festinhas, fofoquinhas e namoradinhos. Pelo contrário, me irrita muito se alguma pessoa falar apenas disso! Posso jurar que eu odeio quando minhas amigas começam a falar do garoto que gostam. Além disso, detesto festas, pois as pessoas sempre acham que é uma desculpa para exagerar na bebida alcoólica, mesmo sendo menores de idade. E eu duvido que os adultos não façam o mesmo!

Hoje em dia falamos de como podemos mudar o mundo, de democracia, de eleição, de economia, de história, de ciências, e, por que não?, nossa infância querida, seriados de TV que gostamos, livros, revistas, músicas... faz mal? É chato? Chato, pra mim, é ficar falando (e reclamando) de trabalho, quem aguenta?

E, para esses liberais que defendem que a visão do adolescente pelos adultos mudou, tenho provas muito claras de que existe, sim, um preconceito:

Quando eu ligo para os meus pais e eles não atendem:
Desculpa, filho, não ouvi, não vai ficar bravo por isso, né? Desculpa se era importante, o que eu podia fazer?

Quando meus pais me ligam e eu não atendo:
PORQUE VOCÊ NÃO ATENDEU A DROGA DO SEU CELULAR, EU TE DEI UM PRA QUE? PRA NADA, VOCÊ NUNCA ATENDE!

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Quando um adulto entra no ônibus carregando uma mochila pesada:
Coitado, deve estar tão cansado. Vou ver se ele não quer meu lugar.

Quando um adolescente entra no ônibus carregando uma mochila pesada:
Não basta ser vagabundo, fica carregando essa mochilona pra lá e pra cá, atrapalhando os passageiros!

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Quando minha mãe pede um favor:
Não vai cumprir por quê? Até parece que você tá ocupada, olha só que moleza, passando o dia inteiro nesse computador! E reclama se eu peço um favorzinho!

Quando eu peço um favor pra minha mãe:
TÁ ACHANDO O QUÊ, QUE EU SOU SUA ESCRAVA? EU TENHO QUE FAZER COMIDA PRA VOCÊ, LIMPAR A CASA, ME MATAR TRABALHANDO AQUI E LOGO QUANDO EU TENHO UM TEMPINHO DE DESCANSO VOCÊ VEM NESSA SUA CARA DURA ME PEDIR FAVORZINHO? TEM MÃOS E PERNAS PRA QUÊ? PASSA O DIA INTEIRO NESSA MOLEZA E NÃO QUER FAZER NADA!

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Quando um adulto me fala de uma música:
Você deveria ouvir essa música, a letra é bem interessante e inteligente, você iria gostar!

Quando eu falo de uma música para um adulto:
Parece legal pra sua idade, mas eu não vou ouvir essa banda, é pra adolescente! (quando você ainda nem falou qual era o nome).


----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Quando os adultos estão falando um monte de besteira em público:
Oh, olha só que legal, um grupo de amigos se divertindo! Parecem ser inteligentes, podem ter se conhecido na faculdade.

Quando adolescentes estão falando um monte de besteira em público:
Eita idade fácil! Aposto que se conheceram na escolinha, nem devem conviver com outras realidades, passam o dia inteiro no computador. Credo, só falam merda, parece que estão bêbados! Devem estar, mesmo, e nem vão presos por isso, são filhinhos-de-papai. Na minha época não era essa moleza toda não...

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


11 comentários:

  1. Nossa, escreveu T-U-D-O aí ! Me identifiquei muito com esse texto, adorei >.<

    Farry Teen

    ResponderExcluir
  2. Realmente, tudo o que você disse faz sentido. Mas não há como não haver conflitos entre gerações :p
    Ficou até divertido no final com seus gifs e as situações xD
    Visita-me?
    ;*

    ResponderExcluir
  3. kkkkkkkkkkkkkkkk não tive tempo de vir aqui conferir nesses dois dias, já vi que perdi de ler três posts ç.ç, vou lê-los assim que clarear o dia kkkkkkk to comentando as 3hrs da manhã, tava desde a meia noite editando post XD
    Saudaaaaaaaadeeeeeeee! E a Samira que ta sumida :/
    Bjão, mais tarde retorno pra ler, a prévia que tive já rendeu risos kkkkkkkk
    Blog Garotas Do Contra

    ResponderExcluir
  4. LooooL
    Como eu odeio quando os adultos nos tratam como "seres inferiores". Ele se acham, nér?
    Acho uma grande besteira eles acharem que nós não somos inteligentes, que não sabemos nada na vida, e que não sabemos o perigo das coisas. É lógico que sabemos, mas é sempre mais divertido fazer sem pensar nas consequências. Essa é a essência de ser um adolescente. xDD

    Olha..tem uma coisinha pra você lá no blog. :)
    Vai veer?
    Beijo
    Hayanne Deise Lins - Profissão Adolescente
    http://profissao-adolescente.blogspot.pt/

    Facebook * Twitter * Youtube

    ResponderExcluir
  5. Que post legal! Pura realidade. Eu adoro músicas antigas mesmo, e não gosto dessas bandinhas de hoje em dia, nada contra elas, mas prefiro as antigas. A gente não pode generalizar e criticar um grupo inteiro, existem exceções. Adorei os exemplos também, show!

    Seguindo aqui!

    naoseavexe.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Acho que preconceito contra adolescentes é generalização de pequenos grupos. Nós ficamos no computador sim, mas não é só o computador. Eu dou preferência aos estudos e à leitura, não fico só estudando, mas também não fico só na "moleza".

    DDUG
    P.S: não estou colocando o link do blog para não ser considerado spam.

    ResponderExcluir
  7. Que blog Hilário
    amei tudo aqui, muito diferente elindo, super bem elabora
    está de parabéns.

    Eu já estou seguindo aqui, linda. Poderia retribuir?

    http://runtothe-fashion.blogspot.com.br/
    ________________________________________________
    Meninas sigam meu blog se gostarem, eu retribuo o follow e estou disponível para parceiras, beijinhos para todas.

    http://runtothe-fashion.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. É desse jeitinho mesmo !!!!!!!!!!!
    Cara que injustiça :@@@@@
    my-dreams-perfects blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Bem assim mesmo, mas tem alguns adultos que não são assim, é legal. rs
    Parabéns pelo blog viu? To adorando ♥
    http://mydreamsofasummernight
    .blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. ain q vida, me identifiquei muito com isso mas o piior é qdo falam "vc não tem responsabilidade, vc é uma ingrata, nem pra tirar nota boa, vc não faz nada da vida era pra tirar dez e tudo, eu pago escola pra vc pra q ? pra ficar conversando no meio da aula?" ai se eu peço pra ir a algum lugar sozinha: "ai, vc tome cuidado pra atravesar a rua, ou eu não vou deixar vc ir nesse lugar q tem piscina porque seus amigos são muito doidos e te jogam na agua" qdo alguem maio puxa conversa cmg " o q vc fez no pc ultimamente, ou E ai? cm vai, ta namorando ah q legal" ai qo eu começo a falar de politica ou de qlqr outra coisa q me interessa melhor q eles ainda me olham cm se eu fosse uma aberração! hahahhaa
    bj
    lamourmonage...

    ResponderExcluir
  11. É BEM ASSIM, MESMO! kkkk
    Adorei o post! Acho que idade tem uma relação direta com a maturidade e com a experiência de vida, mas ao memso tempo ela não define a maturidade ou o comportamento de alguém. É difícil entender esse pessoal, rs.
    Obrigada pelo comentário e pela visita!
    Beijos,
    Ana Luiza
    Coisas Afins Blog

    ResponderExcluir

Seu recado é muito importante!
Qualquer que seja sua mensagem, vou ficar muito feliz em saber o que você gostou e o que eu posso melhorar.
Obrigada! (: